institucional | cartão fidelidade | Convênios | Encarte | R. Humanos | RELACIONAMENTO | nossas lojas
Quer saber como anda a saúde dos seus pés?
Data de Publicação 17.01.2012 às 13:09
Joanete pode surgir ou piorar com o uso de sapatos de salto e bico fino

Saiba quais são os tipos de pé mais comuns e como evitar problemas.

Deformidades e calos persistentes devem ser avaliados por um médico.

Os pés de cada pessoa podem ser planos, ter uma curvatura mais acentuada e diferir no tamanho dos dedos. Mas, segundo os ortopedistas, não existe necessariamente um formato melhor ou mais saudável. O que não pode haver são sintomas como dor, desconforto ou dificuldade para andar.

Ao correr, a força sobre os pés aumenta até oito vezes, e ao pular esse valor sobe para 13 vezes. Por isso, é importante cuidar bem dessa parte do corpo, porque – junto com a coluna – é ela que sustenta uma pessoa.

Estima-se que indivíduos normais em ambientes urbanos e atividades corriqueiras caminhem cerca de 120 mil quilômetros ao longo de 50 anos.

A prática desportiva, bastante difundida em todo o mundo, trouxe enormes benefícios à saúde e ao bem-estar geral, mas também determinou o aumento da carga de trabalho nos tornozelos e pés, razão pela qual aumentou significantemente a incidência de problemas nessas regiões.

Escolher bem o sapato é o primeiro passo para prevenir calos, unhas encravadas, machucados e joanete. Evitar calçados altos e com bicos triangulares é importante, segundo o ortopedista Caio Nery e a podóloga Roseli Bueno.

A especialista explicou que fazer higiene e abrasão dos calos moles, não inflamados nem infectados é saudável – em casos graves, só um médico pode mexer na área.

É importante também evitar tratamento de problemas nos pés com pedicures, que cuidam apenas da estética. Deformidades e calos muito persistentes devem ser avaliados por um ortopedista, que pode propor palmilhas ou a troca de sapatos.

O ideal é que, ao caminhar, os pés fiquem na posição "12h55", não para dentro nem paralelos. Os pés chatos, em alguns casos, podem precisar de intervenção ou palmilhas, mas não precisam necessariamente ser tratados.

Protetores e palmilhas ajudam a evitar calos. No caso de joanete, protetores podem aliviar a dor, mas não curam o problema. Aparelhos e separadores também não alteram esse desvio do dedão.

Para evitar problemas ao caminhar por longas distâncias de casa para o trabalho e vice-versa, algumas mulheres carregam dois sapatos. Assim, não perdem o conforto nem a a elegância no dia a dia.


Fonte
Bem estar

QUER RECEBER MAIS DICAS ?   CURTA A NOSSA PAGINA !



veja outras noticias...

As informações contidas neste site não devem ser usadas para automedicação e não substituem, em nenhuma hipótese, a medicação prescrita pelo profissional da área médica. Somente o médico está em condições de diagnosticar qualquer problema de saúde e prescrever o tratamento adequado.




Formas de Pagamento
Redes Sociais
  
ITDStudio.com Web System e Design - © Copyright 2011 - All Right Reserved