institucional | cartão fidelidade | Convênios | Encarte | R. Humanos | RELACIONAMENTO | nossas lojas
Lutar faz bem à saúde
Data de Publicação 28.02.2012 às 11:14
Recorrer a alguma atividade física é uma boa alternativa para extravasar as emoções e driblar o estresse diário.
Atualmente, vem aumentando o número de pessoas que recorrem aos chutes, socos e chaves-de-braço para manter o equilíbrio. Como? Praticando lutas e artes marciais em academias especializadas, por exemplo.

As lutas trazem grandes benefícios para a saúde, entre os quais agilidade, reflexo e coordenação.

"Antes de fazer a matrícula em alguma aula de luta, seja ela qual for, informe-se sobre a prática, as necessidades físicas para o estilo escolhido e, claro, passe por uma avaliação médica, com consulta e exame como o eletrocardiograma", aconselha o dr. Mário Sérgio Rossi Vieira, fisiatra e médico do esporte do Einstein.

Além disso, a pessoa deve procurar orientação de um profissional que saberá dosar o nível e a frequência com que deve ser praticada a atividade.

O ideal é praticar a atividade física pelo menos três vezes por semana e, se a intenção é levar a luta como um esporte de competição, complemente o treino com exercício de reforço, como corrida e aquecimento, para que os músculos fiquem mais fortalecidos e alongados. Para os que querem praticar lutas por lazer, a própria atividade já proporciona os fatores de condicionamento físico.

Em toda atividade física é necessário fazer alongamento antes e depois da prática, principalmente no início, para aquecer a musculatura, que sofrerá estímulos durante o exercício, e no final, para descansar os músculos.

Como as lutas são atividades que exigem contato físico, os riscos de contusões ou estiramento muscular durante os treinos podem ser maiores se o alongamento for deixado de lado.


Fonte
Albert Eintein

QUER RECEBER MAIS DICAS ?   CURTA A NOSSA PAGINA !



veja outras noticias...




Formas de Pagamento
Redes Sociais
  
ITDStudio.com Web System e Design - © Copyright 2011 - All Right Reserved