institucional | cartão fidelidade | Convênios | Encarte | R. Humanos | RELACIONAMENTO | nossas lojas
Mortes por câncer no estado de SP caem 9% em dez anos, diz secretaria
Data de Publicação 11.03.2013 às 12:37

Uma pesquisa feita pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo revela que, em dez anos, houve uma queda de 9% na taxa de mortalidade por câncer em todo o estado.

A redução nas mortes por tumores de estômago, colo do útero e pulmão (em homens) foi o que mais contribuiu para esse resultado.

O levantamento comparou dados de 1999/2000 com 2009/2010. No primeiro período, o índice de mortalidade por câncer em São Paulo era de 104,6 pessoas para cada 100 mil habitantes. Já no segundo intervalo analisado, esse número caiu para 95,2 óbitos por 100 mil.

  •  
Mais de 17% dos paraenses são fumantes, diz órgão de saúde estadual. (Foto: Divulgação / Agência Pará) Redução do fumo ajuda a baixar mortes por câncer de pulmão em homens (Foto: Divulgação/Agência Pará)

Homens x mulheres
Apenas entre a população masculina, as mortes por tumores tiveram queda de 10% em dez anos, passando de 131,1 para 118,6 em 100 mil habitantes. Já entre as mulheres, a redução foi de 8%, passando de 84,1 para 77,7 por 100 mil.

No caso dos homens, além da diminuição de 16% nos óbitos por câncer de pulmão e laringe, houve 12% de queda na mortalidade por tumor da cavidade oral e faringe, e 11% por câncer de esôfago e bexiga. Apesar disso, os tumores de pulmão e estômago ainda são os que mais matam os homens paulistas, junto com o de próstata.

Entre o sexo feminino, os destaques foram a redução de 32% dos tumores de colo do útero, e de 24% para outras partes do útero. Os tipos de câncer que mais matam as mulheres são os de mama, cólon (maior porção do intestino grosso) e reto, e pulmão.

Além disso, os dois sexos tiveram queda nas mortes por linfoma (câncer no sistema linfático) não Hodgkin: 19% nos homens e 14% nas mulheres.

Menos fumo e mais papanicolau
Segundo José Eluf Neto, diretor-presidente da Fundação Oncocentro de São Paulo (Fosp), entidade ligada à secretaria, a redução na mortalidade por câncer tem várias causas, como maior prevenção da doença, diagnóstico precoce e aumento da qualidade dos tratamentos.

Os resultados obtidos entre os homens – com menos mortes por câncer nas vias aéreas –  indicam uma redução de fumantes, enquanto nas mulheres os dados apontam para um maior acesso ao exame papanicolau, explica Eluf Neto.



Fonte
Bem Estar

QUER RECEBER MAIS DICAS ?   CURTA A NOSSA PAGINA !



veja outras noticias...




Formas de Pagamento
Redes Sociais
  
ITDStudio.com Web System e Design - © Copyright 2011 - All Right Reserved